A campanha de vacinação em Tucano tem seguido um cuidadoso acompanhamento da gestão municipal e de órgãos ligados à saúde pública, a fim de garantir transparência e comprometimento com a população. Em maio, o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Bahia (Cosems-BA) promoveu um levantamento em todas as cidades do estado, identificando em quais delas foram recebidas remessas de vacinas com menos doses do que o previsto.

De acordo com as informações levantadas, Tucano recebeu remessas da CoronaVac com 9 doses, ao invés de 10. Para recompor o quantitativo, foram encaminhadas 430 doses no dia 5 de maio. Desse total, 150 doses foram separadas para aplicação de 1ª dose em gestantes, puérperas e pessoas entre 57 e 59 anos na zona rural – cuja vacinação teve início no dia 9 de junho.

Outras 150 doses dessa remessa de recomposição foram separadas para 2ª dose desse mesmo público. As 130 doses restantes serão destinadas aos tucanenses que, por razão justificada, não receberam a segunda dose no período previsto, bem como para pessoas de grupos prioritários em trânsito.

“Queremos que a população acompanhe de perto todo o trabalho realizado durante a campanha de vacinação. O olhar atento dos tucanenses nos motiva a seguir empenhados em trazer mais imunizantes ao município e distribuí-los ao nosso povo”, afirma a Secretária Municipal de Saúde, Denise Correia.

Vale ressaltar que, até o momento, cerca de 28% da população de Tucano já foi vacinada. 20 remessas entre CoronaVac, AstraZeneca e Pfizer foram encaminhadas ao município e mais de 19 mil doses já foram aplicadas.

Comentários está desativados.